Alerta de Notícias:
Platinum Equity Adquire a Solenis da Clayton, Dubilier & Rice
Fechar 686C6711-FB74-47F4-AFEE-14D0F9C09B39

Declaração sobre escravidão e tráfico de pessoas

Conforme a Seção 54 da Lei de Escravidão Moderna do Reino Unido de 2015

A Seção 54 da Lei de Escravidão Moderna do Reino Unido de 2015 foi criada para fornecer aos consumidores informações sobre os esforços dos fabricantes para lidar com a questão da escravidão e do tráfico de pessoas.

Na Solenis, a gestão responsável da cadeia de suprimentos é importante para os nossos negócios e nos esforçamos para defender os direitos humanos em todas as nossas atividades comerciais. A Solenis encoraja fortemente nossos parceiros de fornecimento a apoiar nosso Código de Conduta do Fornecedor, que incorpora o compromisso da Solenis de conduzir negócios livres de riscos de escravidão e tráfico de pessoas.

A Solenis não tolera o uso de trabalho infantil ou forçado, escravidão ou tráfico de pessoas em nenhuma de suas instalações ou operações, nem a punição física, abuso, servidão involuntária ou exploração de qualquer trabalhador.

A Solenis descontinua o relacionamento comercial com qualquer indivíduo ou empresa que não respeite os mesmos padrões. A Solenis espera que os fornecedores e prestadores de serviços com quem fazemos negócios mantenham os mesmos padrões.

Mais especificamente, na Solenis, esperamos que nossos parceiros:

  • Não usem, se envolvam ou apoiem práticas de trabalho infantil;
  • Assegurem que todos os seus funcionários atendam à idade mínima exigida por lei;
  • Não se envolvam nem apoiem trabalho forçado ou compulsório, conforme definido pela Convenção Sobre Trabalho Forçado ou Compulsório, 1930 (Nº 29), incluindo prisão, servidão, escravidão e tráfico de pessoas;
  • Assegurem que todo o trabalho realizado seja voluntário e que os funcionários tenham o direito de rescindir o emprego com aviso prévio razoável.

A Solenis tomou as seguintes medidas para abordar o risco potencial de escravidão e tráfico de pessoas em sua cadeia de fornecimento:

  • Processo robusto de diligência devida baseada no pré-engajamento, que inclui triagem, partes do qual são especificamente adaptadas para lidar com questões de escravidão e tráfico de pessoas;
  • Ferramentas de engajamento, incluindo certificações de conformidade e mecanismos contratuais que permitam a rescisão do contrato em caso de não conformidade com as políticas e procedimentos da Solenis;
  • Monitoramento pós-engajamento da diligência devida, que, em parte, busca verificar a conformidade de nossos parceiros com os compromissos contra o tráfico de pessoas e anti-escravidão.

Finalmente, a Solenis está em processo de aprimoramento de suas ferramentas periódicas de avaliação de riscos para abordar os riscos éticos em nossa cadeia de fornecimento direto de materiais, incluindo, entre outros, nossos fornecedores de matéria-prima e intermediários.

A Solenis está empenhada em atualizar periodicamente a presente declaração para refletir todas as mudanças nas operações de negócios da empresa, relevantes para os esforços de conformidade das empresas para abordar a questão da escravidão e do tráfico de pessoas em sua cadeia de fornecimento.

Última alteração: 16 de junho de 2020